Você é rico e não sabia! Conheça seu Capital Humano

Todo jovem já passou por este momento: sentir-se na pindaíba, sem um tostão-furado no bolso e pensando “quando terei algum patrimônio?”.

A ansiedade é um sentimento típico da juventude. E quando somos bombardeados por notícias sobre os brilhantes jovens bilionários do Vale do Silício, então? Esta ansiedade aumenta exponencialmente.

Mas não se preocupe, além de não estar sozinho neste sentimento, você tem outros dois trunfos ao seu lado: a teoria financeira e seu futuro!

Pois é. Teoricamente, você, jovem, sem um tostão no bolso, é um multimilionário. Pelo menos, em potencial.

Existe um conceito muito pouco difundido e, até mesmo, pouco estudado em finanças chamado Capital Humano. O Capital Humano, nada mais é, que o valor presente de sua capacidade de geração de renda futura por meio de seu trabalho. Ou seja, é quanto valeria hoje, todo o dinheiro que você tem o potencial de ganhar no futuro.

Esse conceito é explicado em profundidade neste artigo encabeçado pelo professor Roger Ibbotson. Nele são detalhados diversos pontos sobre o assunto como, por exemplo, estratégias de proteção do Capital Humano, risco de longevidade, o impacto do perfil do investidor sobre sua alocação e como o Capital Humano deve ser levado em conta quando decidimos onde investir. Abordarei alguns destes assuntos em alguns artigos futuros. Por hora, vamos nos concentrar em entender um pouco mais o conceito de Capital Humano.

Neste gráfico abaixo, adaptado do artigo já citado, vemos a relação entre Capital Humano, Capital Financeiro e Riqueza Total.

Notem que a Riqueza Total (linha mais escura acima), nada mais é que: o Capital Humano (linha tracejada) somado ao Capital Financeiro (linha mais clara).

Quando jovens, é comum termos um Capital Financeiro baixo, afinal de contas, estamos começando nossa vida profissional e nos capacitando por meio da educação e da experiência que vem sendo adquirida. A carreira que você escolhe, o mercado profissional no qual você está inserido, sua produtividade, enfim, tudo relacionado ao seu trabalho, terá um impacto direto sobre qual é o seu Capital Humano.

Quanto mais investimos em nossa educação, em aumentarmos nossa capacidade de geração de renda futura, maior será o nosso Capital Humano. Agora, notem, porém que o Capital Humano tende a diminuir ao longo dos anos, pois, eventualmente, diminuiremos nossa projeção futura de renda do trabalho, seja pela aposentadoria ou pela menor perspectiva de anos futuros pela frente.

Justamente pelo fato do Capital Humano diminuir ao longo dos anos é que se faz tão importante poupar. Poupar é, simplesmente, transformar Capital humano em Capital Financeiro. Capital Financeiro, este, que será tão importante para atingir a tão sonhada independência financeira.

Quem se capacita, trabalha muito, gera muita renda presente e futura e não poupa, está, na verdade, diminuindo seus níveis de Riqueza Total, pois, como apontado, a tendência natural do Capital Humano é diminuir. Se você não o transforma em Capital Financeiro, seu futuro pode estar comprometido.

Quem entende esta simples lógica da Riqueza Total e dedica parte de sua renda laboral à poupança está fazendo um grande favor ao seu próprio futuro. Além de estar transformando Capital Humano em Capital Financeiro, está fazendo o tempo, mais precisamente, os juros trabalharem a seu favor. Já expliquei isto de forma numérica neste artigo. Se ainda não leu, leia!

O domínio de conceitos simples e intuitivos de finanças é, em minha opinião, o maior instrumento que alguém pode ter para sua independência financeira. É muito fácil se perder no sedutor mundo de complicação que é vendido pela indústria financeira. É muito fácil perder o foco do simples e acreditar que aumentar o Capital Financeiro por meio de investimentos mirabolantes é o correto.

Domine primeiro o básico. Entenda que seu trabalho, seus estudos, sua capacidade de gerar renda são sua maior riqueza quando se é jovem, porém, estes fatores precisam ser convertidos em ativos, por meio da poupança, ao longo de sua vida para que você tenha um futuro tranquilo.

Para começar o seu Planejamento Financeiro hoje, faça o download do E-book abaixo!

4 comments on “Você é rico e não sabia! Conheça seu Capital HumanoAdd yours →

  1. Prezados, bom dia!!

    Excelente artigo, solicito apenas dar uma olhada no grafico citado no meio do texto, acho que na publicacao ele acabou nao entrando no texto.

    Grande abraco e parabens pelo trabalho!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *